pintura

segunda-feira, julho 23, 2007


eu

que sou eu

vario na vida sem previsível maré


eu que sou eu

no espelho em que estou

conserto o cabelo

fingindo quem sou


eu que sou eu

gostava de ser outra vez

saborear cada momento

cada segundo

dentro do tempo

que és tu

meu amor
Maria João Franco, set.2006

Sem comentários: